RSS Facebook Twitter YouTube BlogSpot
SIGA-NOS
Rede MdM Internacional
Médicos do Mundo defende projecto-piloto de consumo vigiado
16-12-2017

Médicos do Mundo defende projecto-piloto de consumo vigiado

A Médicos do Mundo (MdM) é responsável, em parceria com o GAT, no processo de criação do projecto-piloto do Programa de Consumo Vigiado, na cidade de Lisboa.

O Programa de Consumo Vigiado, promovido pela Câmara Municipal de Lisboa, pretende atenuar os impactos do consumo na saúde das populações e divide-se em três fases exploratórias, entre elas, a formação.

No próximo dia 18, a MdM e o GAT vão promover a segunda de 2 formações temáticas, sobre a actuação em caso de sobredosagem em contexto comunitário, dirigida a profissionais das organizações que vão implementar esta resposta, a técnicos do Município de Lisboa, a parceiros do Perto LX e a outros profissionais da área de saúde. A inscrição (link) é gratuita, mas obrigatória. Conheça o programa.

As acções realizadas pretendem sustentar o relatório do projecto-piloto de consumo vigiado que será entregue em Janeiro, por forma a defender a implementação de salas móveis de consumo assistido em Portugal.

Nesta fase exploratória, as organizações estão a realizar um diagnóstico, junto dos utilizadores de drogas, através da aplicação de questionários, para perceber a viabilidade do projecto, o tipo de serviço procurado, os locais e horários de paragem de uma unidade móvel adaptada e as várias necessidades inerentes.

As fases exploratórias irão culminar numa visita internacional, de modo a recolher boas práticas, testemunhos e resultados de projectos semelhantes, que já estejam em funcionamento no estrangeiro.

Este projecto pretende diminuir o número de infecções relacionadas com o consumo e educar para a saúde os utilizadores de drogas, de forma a evitar a overdose e a promover a segurança e a saúde de todos.

Bookmark and Share